S.

J.J. Abrams e Doug Dorst
  • Formato(s) de venda: livro
  • Tradução: Alexandre Martins e Alexandre Raposo
  • Páginas: 472
  • Gênero: Ficção
  • Formato: 15,5 x 23,5
  • Lançamento: 11/12/2015

Um livro. Dois leitores.

Uma jovem encontra numa biblioteca um livro com anotações de um estranho. As margens repletas de observações revelam um leitor inebriado pela história e pelo misterioso autor da obra. Ela responde os comentários e devolve o livro, que o estranho volta a pegar. Ele é Eric, ela é Jennifer, e o inesperado diálogo dos dois os faz mergulhar no desconhecido. É esse velho exemplar típico de biblioteca - consultado, anotado, manuseado - intitulado O Navio de Teseu, de V. M. Straka, que o leitor encontrará dentro da caixa preta e selada de S.

S. está longe de ser um livro convencional. A obra conecta ao menos quatro histórias, que se desdobram ao mesmo tempo, embora não necessariamente em ordem cronológica. É um livro-jogo, que oferece várias possibilidades de leitura e instiga o leitor a decifrar os mistérios, códigos e pistas contidos em toda a obra. Seja nas notas, nas margens ou nos outros itens da caixa, há sempre algo além do que se vê aguardando para ser descoberto.

J.J. Abrams e Doug Dorst

J.J. Abrams e Doug Dorst

J. J. Abrams, nascido em Nova York em 1966, foi criado em Los Angeles. Ganhador do Emmy, produziu, dirigiu ou escreveu roteiros de filmes e séries de TV, dentre eles Fringe, Lost, Alias - Codinome Perigo, Felicity, Star Trek, Cloverfield, Super 8, Missão Impossível e Star Wars: O Despertar da Força.

Doug Dorst leciona escrita criativa na Texas State University, em San Marcos. Escreveu a coletânea de contos The Surf Guru e também o romance Alive in Necropolis, indicado ao prêmio PEN/Hemingway. Dorst ganhou três vezes o programa Jeopardy!.

Booktrailer