Por uma Europa democrática

Stéphanie Hennette, Thomas Piketty, Guillaume Sacriste e Antoine Vauchez
  • Formato(s) de venda: livro, e-book
  • Tradução: André Telles
  • Páginas: 96
  • Gênero: Não Ficção
  • Formato: 12 x 18,5 x 0,8
  • Lançamento: 19/09/2017

Economista Thomas Piketty se reúne com importantes acadêmicos para

propor projeto de democratização da Europa

Durante a recente crise econômica e financeira europeia, foi criado um novo centro de poder: o "governo" da zona do euro. Caracterizado pela informalidade e pela falta de transparência, esse poder se desenvolveu no ponto cego dos controles políticos, numa espécie de buraco negro democrático. Como consequência, há uma indiferença generalizada a vozes dissonantes e a alertas emitidos por processos eleitorais que, de modo persistente, destacam a ascensão de um populismo de extrema direita.

Diante desse cenário, surge a necessidade urgente de aprimorar valores democráticos. Stéphanie Hennette, Thomas Piketty, Guillaume Sacriste e Antoine Vauchez propõem neste livro um tratado pela democratização da Europa, tendo como objetivo descartar a opacidade do atual governo em favor de uma instituição democraticamente eleita. Desenvolvido por uma equipe multidisciplinar de advogados, cientistas políticos e economistas, o projeto recomenda, sobretudo, a instauração de uma Assembleia Parlamentar: uma estrutura autônoma capaz de modificar o atual equilíbrio de poder e garantir, por fim, uma lógica de debate pública, plural e democrática que se sobreponha ao culto das diplomacias pouco transparentes.

Imperativo e informativo, Por uma Europa democrática é um apelo aos cidadãos para que assumam o controle do debate sobre a atual situação da União Europeia, um debate que, em última instância, influencia decisivamente as economias de todo o mundo.

Stéphanie Hennette, Thomas Piketty, Guillaume Sacriste e Antoine Vauchez

Stéphanie Hennette, Thomas Piketty, Guillaume Sacriste e Antoine Vauchez

Stéphanie Hennette é doutora pela Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne. Foi professora visitante na Universidade de Princeton e atualmente leciona direito público na Université Paris Nanterre.

Thomas Piketty é um dos economistas mais importantes da atualidade e será o primeiro a publicar um relatório mundial da desigualdade, com lançamento previsto para o início de 2018 pela Éditions du Seuil. O capital no século XXI, primeiro livro do autor publicado no Brasil, acumula mais de 150 mil exemplares vendidos, foi eleito Livro do Ano pelo Financial Times e listado entre os dez melhores livros de 2014 pela Veja. Leciona na École des Hautes Études en Sciences Sociales e na École d'Économie de Paris. Por sua obra, recebeu em 2013 o Prêmio Yrjö Jahnsson, conferido pela Associação Europeia de Economia.

Guillaume Sacriste é professor titular em ciências políticas da Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne. Formou-se doutor em ciências políticas na mesma instituição.

Antoine Vauchez é pesquisador no Centre Européen de Sociologie et Science Politique, instituição pertencente ao Centre National de la Recherche Scientifique. Foi professor visitante na Universidade Columbia, nos Estados Unidos.